sábado, 12 de janeiro de 2013

Padre Fábio de Melo celebra na Primeira Vigília dos Jovens Adoradores do ano rumo à JMJ


Jovens de todo o Rio de Janeiro lotaram a Catedral Metropolitana para a 15ª edição da Vigília dos Jovens Adoradores, na noite da última sexta-feira, 11 de janeiro, 5º dia da Trezena em honra ao Padroeiro da Arquidiocese. Sob muitos aplausos e espírito de festa e oração, rapazes e moças, que se preparam para a Jornada Mundial da Juventude (JMJ Rio 2013), acolheram a imagem peregrina de São Sebastião — que também é um dos patronos desse encontro que trará o Papa Bento XVI ao Brasil, em julho deste ano.

Com transmissão ao vivo pela WebTV Redentor e Rádio Catedral(FM 106,7), a noite de oração conectou mais de 100 mil pessoas em intercessão pela JMJ Rio2013. Para o Arcebispo Metropolitano, Dom Orani João Tempesta, que explicou fatos históricos da vida de São Sebastião, esta edição da vigília acontecer durante os festejos de um dos patronos do evento tem um significado bastante especial:

— A ligação da JMJ Rio 2013 com a trezena é muito clara. O tema fala sobre acolhimento, e cada jovem que virá, que representa o rosto de Jesus Cristo, será bem acolhido. (...) A exemplo de São Sebastião, mesmo com as flechadas da vida, não devemos desistir de testemunhar o Senhor, lembrou Dom Orani.

O Santo mártir também foi especialmente lembrado durante o momento de formação com o Youcat (catecismo jovem), quando a Comunidade Pequeno Rebanho ensinou que o Espírito Santo que habita em cada um é que dá intrepidez para a missão da evangelização, de forma que todos são chamados a testemunhar, como São Sebastião, com segurança e alegria.

Sob a animação da Banda canto Novo, a Missa, que foi presidida pelo Padre Fábio de Melo e concelebrada por diversos membros do clero, teve como intenção a JMJ Rio2013 e o celebrante fez um pedido especial:

— Que se antecipem em nós as graças da JMJ e da presença de Bento XVI no Brasil, desejou Padre Fábio.

“Testemunho é a melhor forma de evangelizar”
Em um silêncio profundo, que demonstrava o quanto a juventude ansiava por estar em sintonia com Deus, o Sacerdote, já no início da Celebração, explicou que, segundo a Teologia, a Missa é, por excelência o tempo privilegiado para o encontro com o Senhor e, em seguida, fez uma proposta:

— É aqui que podemos diminuir a distância entre nós e Deus. (...) É na eucaristia que nos configuramos a Jesus: estamos à distância de apenas uma oração. (...) Esta vigília não pode continuar uma vez por mês, aqui, depois da Jornada?, sugeriu sob muitos aplausos.

Padre Fábio destacou a importância do testemunho de vida com alegria para o anúncio eficaz do Evangelho:

— Testemunho é a melhor forma de evangelizar. (...) O melhor argumento passa pelo testemunho. Antes da palavra está a vida. (...) Que a alegria seja a nossa maneira de testemunhar que vale a pena seguir Jesus. (...) Ser cristão para mim não é peso, é satisfação, exortou.

Inspirado pelo evangelho do dia, o sacerdote explicou a situação social do leproso, transpondo as dificuldades para as atuais desta sociedade, lembrando a necessidade de também ir ao encontro dos que estão longe de Deus:

— Todos nós, o tempo todo, passamos pela experiência das lepras. Mas vivemos diariamente o desafio de não viver como leprosos. Uma coisa é ter lepra, outra é ser leproso. (...) Eu tenho fraquezas, mas não sou fraqueza. Tenho pecados, mas não sou pecado. (...) E se eu quiser ser especialista do Sagrado, tenho que mergulhar no profano, para ir ao encontro dos que estão longe de Deus, disse.

Padre Fábio enfatizou ainda o quanto é importante ter intimidade e transparência no relacionamento com Deus, que não despreza ninguém e que sonha alto para a vida de cada um:

— Serei desprezado apenas no dia em que eu deixar de ser verdadeiro e honesto com o Senhor, que não joga ninguém fora. (...) Não permita que a vida te nivele por baixo. O projeto de Deus para nós é alto, exortou.

Em seguida o Sacerdote deu início à adoração ao Santíssimo Sacramento, pedindo a Jesus Eucarístico que visitasse cada jovem restaurando o amor próprio e auxiliando nas escolhas do que traz vida.

A Vigília dos Jovens Adoradores acontece sempre na segunda sexta-feira de cada mês.

*Fotos: Victor Gonzalez

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escreva no quadro ABAIXO seu comentário sobre esta postagem!

Translate